segunda-feira, 25 de julho de 2011

Degustação de Vinhos da Toscana

Em uma 2a feira à tarde participamos de uma degustação de vinhos da Toscana na ABS/SP, são vinhos de R$ 80,00 até R$ 135,00 (os que tenho os preços).
Em geral são vinhos com muita fruta, alguns com aromas florais ou animais. Em geral possuem boa acidez.



Produtor: Della Seta Ferrari
Vinho: Tenuta di Gracciano Vino Nobile di Montepulciano DOCG - 2008


Produtor: Boscarelli
Vinho: Vino Nobile di Montepulciano DOCG - 2008


Produtor: Fattoria Mantellassi
Vinho: Morellino di Scansano DOC Risierva "Le Sentinelle" - 2006


Produtor: Fattoria Mantellassi

Vinho: Morellino di Scansano DOC Risierva "San Giuseppe" 2009


Produtor: Tenuta il Palazzo
Vinho: Il Palazzo Toscana IGT Rosso "Moro Rosso" 2008 (Super Toscano)


Produtor: I.C.R.F.AR
Vinho: Valdarno Superiore Chianti 2009


Produtor: AZ Agr La Cignozza
Vinho: Toscana IGT Rosso "Peregrinus" - 2007


Produtor: AZ Agr Martoccia di Brunello Luca
Vinho: Brunello di Montalcino DOCG 2006



Mapa da Região Vinícola da Itália


Fim de férias

As férias estão acabando e haja criatividade para fazer comida saudável para as crianças...
Fiz 2 versões com espinafre que acho que elas gostarão.
Quando eu era criança uma das poucas coisas que lembro da minha mãe fazer era torradinhas com espinafre e molho branco, ela salpicava queijo ralado e colocava uma rodela de ovo cozido e levava para gratinar (era a única forma que eu comia espinafre).
Esses dias fiz as torradinhas e fiz macarrão (para não perder a origem).

Ingredientes
1,2 lts Leite
120 gr Roux branco (60 gr manteiga e 60 gr farinha de trigo)
Noz moscada quanto baste
Sal quanto baste
1 maço Espinafre só as folhas, bem lavado e escorrido
2 dentes Alho picados
200 gr Talharim cozido com sal
1 Baguete cortada e torrada
Queijo ralado quanto baste

Preparo:
1- Colocar a manteiga na panela com o alho para derreter, acrescentar a farinha e dourar muito levemente.
2- Tirar a panela do fogo e acrescentar bem devagar o leite, mexendo sempre, até ficar bem incorporado.
3- Quando o molho estiver bem encorpado colocar as folhas de espinafre e deixar uns 2 minutos.
4- Colocar uma parte do espinafre na massa e servir.
5- Colocar outra parte do molho nas torradinhas, colocar queijo ralado por cima e levar gratinar (se quiser pode colocar 1 rodela de ovo cozido, o ideal é depois de gratinar).

Eu não gosto de verduras de folha picadas com faca, prefiro inteiras, mas se quiser pode picar.
Também não gosto de verduras e legumes muito cozidos, faço dessa forma pois a verdura mantém um pouco da sua crocância, mas se quiser pode refogar separadamente o espinafre com o alho e depois acrescentar o bechamel.



Sopa de Pinhão

Ontem fiz em casa uma sopa de pinhão parecida com a que fiz no evento.
É tradicional em Curitiba e uma delícia nesse frio (o único inconveniente é que é demorada para fazer...)

1,200 Kg Pinhão
500 gr Acém em cubos pequenos
50 ml Azeite
2,4 Lts Fundo de carne
1/2 Maço Salsinha batida
Sal quanto baste
2 Cebolas em cubos
4 Dentes de alho fatiados

Modo de preparo:
1- Cozinhe o pinhão na pressão com um pouco de sal por aproximadamente 1 hora e meia. Deixe esfriar um pouco e descasque (se esfriar totalmente fica mais difícil descascar).
2- Sele a carne na panela de pressão com azeite quente, acrescente a cebola e o alho e refogue um pouco. Acrescente o fundo de carne, um pouco de sal e cozinhe a carne aproximadamente 35 minutos na pressão (até ficar macia).
3- Retire a carne, coloque o pinhão no caldo e deixe ferver uns 10 minutos para aquecer o pinhão. Coloque tudo no liquidificador e vá batendo aos poucos.
4- Peneire em uma peneira de metal, reserve o que sobrar para fazer um purê.
5- Volte o pinhão peneirado ao fogo, acrescente a carne cozida e deixe ferver.
6- Corrija o sal, acrescente água se quiser que a sopa fique menos espessa.
7- Desligue o fogo, acrescente a salsinha e sirva.
Dica - Se quiser dar uma crocância na sopa e uma cor acrescente castanha do pará picadas irregularmente para servir (elas parecem pedaços de pinhão e dão crocância).

Fundo de carne - 1 Lts
1,5 lts Água
1 kg Ossos
120 gr Mirepoix (50% Cebola, 25% Cenoura, 25% Salsão)
30 gr Tomate Pinçage
1/4 Cebola brulée
1 Sachet garni

Modo de preparo:
1- Assar os ossos (salpicado com um pouco de farinha de trigo) a 230oC por +- 40 minutos, até dourarem. Junte os legumes picados (mirepoix) no meio do tempo.
2- Pinçage, para 1 Kg de osso usar 30 gr de extrato de tomate, deixar no fogo baixo mexendo sempre (+- 45 minutos) até que fique de cor marrom escura, pode acrescentar água para deglaçar, isso dará cor ao fundo.
3- Leve para uma panela, junte os outros ingredientes e cozinhe lentamente, retirando os resíduos e a gordura da superfície.
4- Coe e deixe esfriar um pouco, coloque na geladeira.
Pode conservar na geladeira por até 3 dias, e 6 meses congelado.
Cocção de 6-8 horas